Menu Principal

Anúncio Infeed

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

Considerações: Minha experiência de intercâmbio no Uruguai

Estou aproveitando esse espaço para contar um pouco de como foi a minha experiência de intercâmbio nesse país que é tão próximo de nós, mas mesmo assim tão diferente.


Entenda um pouco sobre a experiência que obtive após estudar espanhol por um mês no Uruguai.

Para não perder tempo, estou dividindo os tópicos desse dessa forma:
  • 1) Alguns dados interessantes do Uruguai;
  • 2) Por que estudo Espanhol?;
  • 3) Minha Experiência de Intercâmbio no Uruguai;
  • 4) Índice dos Relatos de Viagem;
  • 5) Considerações Finais.
1) Alguns dados interessantes do Uruguai

O Uruguai é um país pequeno e muito charmoso, com cidades arborizadas, campos extensos, praias limpas e um povo muito cordial e amistoso. O país faz fronteira com a Argentina e com o Brasil, no estado do Rio Grande do Sul.



Os verões são quentes, com temperaturas que variam entre os 23 e 38ºC, já os invernos são frios e a temperatura gira ao redor dos 15ºC, com algumas madrugadas geladas abaixo de zero. Com um clima temperado, o Uruguai possui estações bem definidas, atendendo a todos os gostos.

Os uruguaios gostam de futebol, mate e churrasco. É muito comum vê-los com uma garrafa térmica sob o braço e o mate na mão andando pelas ruas, nos shoppings, em todos os lugares. São pessoas alegres, receptivas e solícitas, que estão sempre prontas pra ajudar.


Mate uruguaio.
O país conta com pouco mais de 3,3 milhões de habitantes, sendo que destes, 1/3 vive na sua capital, Montevideo. A economia é estável e vale ainda citar que o Uruguai é um dos países mais seguros e possui uma das mais altas taxas de qualidade de vida de toda a América do Sul.

Fontes Pesquisadas:

http://www.brasileirosnouruguai.com.br/conheca-o-uruguai

2) Por que estudo Espanhol?



Olá, me chamo Thiago e acho que deve fazer ao menos uns três anos que estudo espanhol  [04/10/2017] e pouco a pouco estou melhorando meu conhecimento nesse idioma tão interessante. Com o espanhol tive a oportunidade de conhecer outras culturas que antigamente estavam fechadas para mim.

Vestimenta típica para festas musicais de alguma região do Equador.
Touradas, na Espanha.
Murga, uma apresentação típica do carnaval uruguaio.
Festa dos Mortos, no México.
Descobri novos povos, outras comidas típicas que antes não fazia ideia que existiam e ainda tive a oportunidade de me aventurar por um novo país: O Uruguai, onde fiquei morando por um mês em uma casa de família super simpática enquanto estudava espanhol de forma intensiva em uma academia de ensino uruguaia.

3) Minha Experiência de Intercâmbio no Uruguai

Minha ideia inicial era fazer um intercâmbio junto ao CACS para a Espanha, mas como a crise estourou pesado em 2014 esse plano acabou caindo por terra, então continuei juntando mais algum dinheiro e resolvi fazer isso por conta própria junto a CVC, e numa das opções apareceu o Uruguai, país que decidi passar um mês inteiro realizando o intercâmbio de espanhol.


Montevideo, capital do Uruguai.
Lá fiz muitos passeios pela capital Montevideo e ainda conheci outras cidades próximas como Punta del Este, Colonia del Sacramento e Salto del Penitente (em Minas). Nesta última cidade andei a cavalo, me aventurei em uma tirolesa e até me arrisquei num rapel [que na verdade foi uma falha total!].

Academia Uruguai, onde estudei no meu intercâmbio.
Praça Independência, Montevideo.
Monumento Los Dedos, em Punta del Este.
Colônia do Sacramento, vista do alto de um Farol.


Nas últimas três fotos acima: Eu me arriscando nos esportes de aventura de Salto del Penitente, no Uruguai.
Com o intercâmbio conheci mais do comportamento dos uruguaios e descobri que eles são um povo incrível, cultos, organizados, super trabalhadores, que gostam da natureza e realmente amam o seu pequeno país.

E claro, como um bom viajante também passei por alguns perrengues mais complicados, em especial para me adaptar com o clima e a comida típica do país, que é muito diferente da brasileira.

Milanesa Pollo Napolitana con fritas.
"Pasta". Esse é o nome que os uruguaios dão para o macarrão.
Carne de Javali, uma iguaria típica de Salto del Penitente.
O mais importante é que tive boas experiências que serão lembradas por mim até o meu último dia de vida. Mesmo em todo esse texto não foi possível relatar sequer um décimo do que fiz e do que senti por lá. Resumindo...

"Ter a oportunidade de aprender um novo idioma é o mesmo que se abrir para novas oportunidades no presente e no futuro."

Acho que isso resume um pouco do aprendizado que tive por lá. E pensando nisso, resolvi organizar esse tópico para que incentive novos viajantes ou até mesmo outras pessoas que pretendam aprofundar mais o seu conhecimento nessa língua.

Sem mais delongas, abaixo estou colocando o índice organizado de toda essa maratona que fiz por lá, sem claro, deixar de ensinar um pouco do espanhol também e contando praticamente tudo que aconteceu no país, desde a minha saída do Brasil até a chegada no outro mês.

4) Índice dos Relatos de Viagem
Intercâmbio no Uruguai [05/02 a 04/03/17]


Clique AQUI ou na imagem abaixo para acessar o índice dessa viagem:



Se tiver gostado desse Relato e deseja conhecer outros, clique na Coleção abaixo e veja os que você achar mais interessantes:

E para fechar com chave de ouro, só falta esse assunto
5) Considerações Finais:


Desejo um agradecimento especial a família que estava me hospedando: O Álvaro, a Stela, a Fernanda e também aos dois hóspedes gringos que ali estavam e me ajudaram muito, o Míchel da Suíça, e a Kelsy, dos Estados Unidos. E também para toda a equipe da Academia Uruguay que me ajudou bastante.

Desejo que todos vocês aproveitem a vida, trabalhem bastante e que viagem sempre que puderem. A todos os leitores, espero que tenham sempre uma boa viagem!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Botão Voltar ao Topo

Anúncio In-article